06/11/2019

Um olhar pelos bastidores

Garantia de qualidade na elumatec: O departamento apresenta-se

 

“Erros criam a possibilidade de melhorar cada vez mais.”

 

“Formar a garantia e a gestão de qualidade num prestador de serviços moderno - é a nossa reivindicação”, diz Frank Gläser, chefe da garantia de qualidade na elumatec. Como mecânico industrial formado ele trabalha já desde 1997 no líder mundial de mercado da produção de máquinas para processar perfis de alumínio, plástico e aço. Ele conhece todos os produtos e sabe o que é importante na qualidade.

 

A ligação do Frank Gläser com a elumatec já começou na sua infância. “Durante o meu tempo na escola primária passei duas vezes por dia no terreno da firma”, conta o homem de 43 anos e sublinha: “Meu coração está ligado a esta empresa.” Em junho de 1997 o sr. Gläser, criado em Großglattbach, começa a sua carreira na montagem final. Aqui ele rapidamente percebe a importância do fornecimento de produtos de alta qualidade. “Não importa o tamanho do problema, tem de intervir a tempo, para que o problema não possa afetar outros produtos”, diz Gläser. A experiência o levou em 2001 a mudar para garantia de qualidade. Desde 2013 é chefe do departamento.

 

“Prevenção bem pensada nos protege acima de tudo, o que poderia vir.”

 

Trabalhar de mãos dadas
A garantia de qualidade da elumatec pode ser encontrada em várias estações da produção. Dez colaboradores divididos em três equipas, garantem que tudo esteja correto. Na entrada de mercadorias, as peças fabricadas por terceiros ou compradas são inspecionadas. Na produção mecânica, todas as peças provenientes da própria elumatec são postas à prova. A equipa na saída de mercadorias e no controlo das máquinas assume a inspeção final. “Faz parte do nosso padrão sujeitar as máquinas a um controlo de garantia de qualidade adicional antes da entrega”, diz Gläser e acrescenta: “Com este princípio de quatro olhos, obtemos qualidade significativamente melhor para os nossos clientes.” Independentemente, à qual equipa pertence, as atividades são reguladas por lotes de inspeção com ordem de tempo e priorizados no sistema ERP da elumatec. Cada colaborador trabalha de forma independente, de acordo com as suas competências, mas também em constante coordenação com seus colegas de equipa. “Qualidade na elumatec é uma orientação que afeta todas as divisões e colaboradores”, diz Gläser. “Por isso, a constante troca em relação aos possíveis problemas é mesmo muito importante. Não vemos os erros como algo mau em si, eles nos dão a chance de melhorar cada vez mais.”

 

O controlo de eventuais falhas é realizado em equipas com três pessoas.

Direitos de imagem: elumatec AG

 

Exame minucioso
Ao inspecionar peças e máquinas, a garantia da qualidade diferencia entre características qualitativas e quantitativas. Eles especificam se as peças e materiais utilizados atendem às especificações técnicas. “Usamos aparelhos de medição por coordenadas ou sistemas de medição de troço a laser para realizar uma comparação entre nominal e real”, explica Gläser. “O sistema verifica automaticamente se os valores indicados correspondem às pré-definições.” As diferenças são apresentados por cores, tipo semáforo, conforme a sua gravidade. Portanto, os colaboradores sabem imediatamente quais os passos adicionais são necessários. A margem discriminatória é pequena, portanto, é claro regulado quem pode conceder a liberação no caso de um desvio. “Se quiser somos a polícia na empresa”, menciona Frank Gläser e ri-se.

 

 
     

Na sala de medição as peças produzidas na empresa

são verificadas em detalhe.

Direitos de imagem: elumatec AG

 

Peças compradas ou produzidas por terceiros

são controladas a entrada da mercadoria.

Direitos de imagem: elumatec AG

 

Exigências acrescidas
As características de qualidade a serem testadas resultam dos requisitos internos e externos, bem como das especificações específicas do cliente. São definidos em planos de controlo que são otimizados e desenvolvidos conforme os requisitos. “Os nossos planos de controlo estão vivos”, diz Frank Gläser. “Dependendo dos requisitos e da área de aplicação, incorporamos novas características e valores.” O cliente é sempre o foco dos nossos esforços. “Cada minuto que uma máquina se encontra parada, custa muito dinheiro. Portanto, temos de fornecer aos nossos clientes tudo o que eles precisam para funcionar da melhor maneira possível”, diz o chefe do departamento.

 

Antes de entregar uma máquina, esta é submetida a múltiplos testes.

Direitos de imagem: elumatec AG

 

A digitalização avançada tem um papel importante. As tecnologias e aplicações são modificadas cada vez com mais rapidez e tornam-se mais complexas. Portanto, as características devem ser continuamente adaptadas aos novos requisitos. “Os planos crescem juntamente com a máquina”, diz Gläser e acrescenta: “Sempre precisamos estar atualizados, pois quanto mais complexa a tecnologia, mais importante é o teste.”

 

Agir em vez de reagir
Também a gestão de qualidade faz parte das tarefas do Frank Gläser. Controlar processos, gerir interfaces na empresa e otimizar processos de acordo estão entre as tarefas mais importantes do futuro para ele. No futuro, o chefe de departamento estará ainda mais preocupado com o controlo dos processos à jusante. “Se agir corretamente com antecedência, não precisará reagir muito depois”, menciona. Em vez disso, trata-se de pensar de maneira prospectiva e orientada para o processo. Só você mesmo poderia tomar as medidas apropriadas e resolver problemas de maneira sustentável. Ao mesmo tempo, o Gläser acha que a mudança para uma empresa orientada para o processo representa atualmente também os maiores desafios. “Tem ficar enraizado nas cabeças. Temos de ser sensíveis, porque a cada mudança o ser humano está sempre em primeiro plano como unidades de atuação.”

 


 

OUTRAS NOVIDADES